Professor: Alexandre Aparecido Bernardes
Pesquisa: Processamento de Imagens e Visão Computacional

Justificativa

Entre as várias vertentes de estudo da informática, pode-se destacar a área Processamento de Imagens e Visão Computacional, que se ampliou consideravelmente nos últimos anos. As aplicações desta linha de conhecimento vêm sendo realizadas e difundidas de modo surpreendente, com o surgimento de novos métodos e técnicas. Este fato constitui um diferencial para o profissional na área de TI, que, além de realizar operações triviais, pode atuar em empresas que desenvolvem tecnologia ou trabalhos científicos de relevância nacional ou internacional.

 

O Processamento de Imagens e Visão Computacional pode ser aplicado em diversas áreas, tais como, médica: na segmentação de imagens de tumores em tomografias, extração de caracterização de lesões de pele; agricultura de precisão: detectando patógenos em plantações, quantificando o grau de lesão no vegetal; robótica: identificando objetos e realizando automatizações; reconhecimento biométrico: íris, retina, rosto, assinatura entre outros.

Objetivo

Subsidiar ao aluno um conjunto de métodos e técnicas que visam a obtenção de maiores requisitos de conhecimentos específicos, teóricos e práticos para atuarem na área de processamento de imagens e visão computacional aplicadas a diversas áreas, como: médicas, agricultara de precisão e dar continuidade no projeto de locomoção de robôs.

Metodologia

O conteúdo do curso é abordado através de aulas expositivas e práticas com utilização de lousa, data show e laboratório de Informática. Exercícios e solução de problemas concretos, levando a um aprofundamento de seu conhecimento e de seu raciocínio analítico. Os testes têm complexidade crescente, acompanhando o conteúdo programático das atividades. Para as aulas práticas serão realizadas montagem de robôs e utilização de bibliotecas de Processamento de Imagens, Visão Computacional.

Resultados Esperados

Criar um grupo de pesquisa com os alunos para desenvolver projetos da linha de pesquisa desse tema, em que os principais assuntos tratados sejam de Processamento de Imagens, Visão Computacional e Automação de Robôs.
Com o projeto, pretende-se oferecer ao aluno mais uma possibilidade para especializar-se e desenvolver trabalhos, além de produzir artigos que possam ser publicados em congressos.
De modo geral, será elevado o nível de qualidade de ensino oportunizando a formação de profissionais cada vez mais capacitados. Como consequência disso, serão incentivados o desenvolvimento de projetos de iniciação científica com temas relacionados, bem como, projetos de extensão.

* Os alunos que desejam participar da Iniciação Científica entrem em contato com o professor.

 

Professor: Cristiano Pires Martins
Pesquisa: Estudo e Desenvolvimento de Equipamentos de Automação Utilizando o Kit Arduíno

Justificativa

O Arduino é uma ferramenta que apresenta uma busca constante por criação de protótipos de forma rápida e simplificada. São projetos de eletrônica que não exigem uma formação sólida nessa área e sim criatividade e capacidade de programação em software que pode ser aliado a controles via dispositivos móveis. A parte de programação dos dispositivos que podem controlar equipamentos eletrônicos, principalmente utilizando dispositivos móveis, vem de encontro ao curso, pois será necessário a programação desses aparelhos utilizando meios como a internet para um controle a distâncias dos equipamentos citados.

Objetivo

Iniciar um grupo de pesquisa na área de automação utilizando a plataforma de computação física de fonte aberta Arduino. Existem 2 kits adquiridos pela instituição. O objetivo principal é começar a criar uma base de dados para o desenvolvimento de projetos de pesquisas maiores que darão continuidade a esse projeto, além da formação da equipe de pesquisa.

Metodologia

Inicialmente será feito um levantamento bibliográfico do assunto. Assim que estiver entendido o funcionamento básico será feito o estudo sobre o estado da arte.
Primeiramente, verifica-se quais alunos participarão do projeto, em seguida passa o material básico para estudo. Tendo a base teórica, iniciaremos a prática com a instalação dos equipamentos e testes básicos. A partir disso o levantamento do estado da arte e por fim a produção da documentação básica para registro da pesquisa e possíveis publicações.

Resultados Esperados

Montar uma equipe para trabalhar com automação utilizando o Arduino e criar uma base de dados que será utilizada pelos projetos que darão continuidade na pesquisa.

* Os alunos que desejam participar da Iniciação Científica entrem em contato com o professor.